Bilhete Digital QR Code: case de sucesso para o transporte público de São Paulo

bilhete digital qr code

 

A Autopass, empresa de tecnologia, soluções e serviços associados à mobilidade urbana, é a responsável pelo desenvolvimento do Bilhete Digital QR Code, utilizado para embarque nas mais de 180 estações da CPTM e Metrô de São Paulo.

A tecnologia já está em funcionamento desde dezembro 2020 e trouxe diversos benefícios aos passageiros. Continue acompanhando este artigo e entenda mais sobre como a tecnologia tem facilitado o dia a dia de milhares de passageiros.

Bilhete Digital QR Code e suas melhorias para os usuários

O Bilhete Digital QR Code é uma evolução bem-vinda ao sistema de transporte, pois apresenta muitas melhorias para os usuários. Em primeiro lugar, cada QR Code é único, sempre diferente de qualquer outra a ser comprada, o que garante a segurança das passagens.

Além disso, a compra dos bilhetes direto pelo Aplicativo TOP ocorre de forma eficiente e rápida. Por lá, possível comprar até 10 bilhetes digitais por dia, o que extingue a necessidade de pegar filas, já que todo o processo é online, sem nenhum contato físico.

Mas não para por aí. É possível comprar Bilhetes Digitais QR Code também pelo WhatsApp no número (11) 3888-2200. Nesse canal, pode-se adquirir até 5 bilhetes por dia e o pagamento é via PIX.

Outros modos de compra são as máquinas de autoatendimento nas estações da CPTM e Metrô e também na rede de credenciados que estão espalhados pela cidade. 

Saiba mais sobre onde comprar o Bilhete Digital QR Code!

Como utilizar o Aplicativo TOP

Você pode baixar o aplicativo em smartphones nos sistemas iOS e Android. Após se cadastrar, você consegue adquirir o Bilhete Digital QR Code direto no app.

O uso das passagens é bem simples e funciona de maneira igual seja ela impressa ou exibida no visor do celular: no bilhete, há um QR Code que o usuário exibe na catraca das estações que são equipadas com leitores com tecnologia especial para leitura dos códigos bidimensionais.

Também é indicada a utilização dos bilhetes em até 72 horas após a sua emissão. Na versão impressa das passagens, as boas práticas permanecem iguais: evite dobrar os bilhetes, amassá-los ou molhá-los. Depois de utilizar álcool em gel nas mãos, também é necessário cuidado para que o QR Code impresso não seja danificado.

O que achou deste artigo? Continue acompanhando nosso blog e fique por dentro de tudo sobre mobilidade!

Autopass

atendimento@autopass.com.br

Av. Presidente Juscelino Kubitschek, 1327, 10º Andar
Itaim Bibi – Internacional Plaza II
São Paulo, SP

Este site é melhor visualizado no Navegador IE 9 ou superior | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS | AUTOPASS – 2021